Cosméticos para dormir

Eu tenho uma insônia muito da profissional então tudo que aparece sobre possíveis melhoras na qualidade do sono eu leio e tento.

Dentre os cosméticos voltados para o bem-estar (velas perfumadas que viram óleo de massagem, cremes com cheirinhos que acalmam, óleos relaxantes para passar ou colocar em difusor de aromaterapia…) existem alguns que prometem melhorar o sono (e são para adultos só pra vocês não pensarem na linha Hora do Sono da Johnsons Baby). Vamos dar uma olhada neles?

Lush – Sleepy

A Lush infelizmente foi embora do Brasil mas ela tem um dos creminhos mais gostosos que já usei. O Sleepy é feito com óleo de coco e de amêndoas para super hidratar a pele e tem lavanda na fragrância que, por causa da misturinha, fica super adocicada. Já usei, não percebi assim uma grande melhora no sono (mas, como eu disse, minha insônia é profissional e não é parâmetro) mas como eu adoro cheirinho suave pra dormir acho que neste sentido ajuda e, na pior das hipóteses, se não ajudar a dormir, a pele fica mega hidratada. Recentemente, a marca lançou o shower gel da mesma fragrância. Eu não sei se tem como comprar Lush daqui do Brasil, se algum lugar entrega, se alguém souber, me conte.

Ren Clean Skincare – & Now To Sleep

É um spray pra espirrar na fronha e no lençol antes de dormir feito a partir de uma mistura de lavanda, flor de lúpulo (o mesmo da cerveja) e olíbano (uma resina muito usada em incensos, é extraída de uma árvore africana). Os três têm propriedades sedativas naturais e o spray promete uma noite mais calma de sono. Ele é pequenininho (mas rende bem) então é bacana pra levar em viagens (principalmente se você estranha dormir fora, ao menos levaria o cheirinho de casa). Este sprayzinho dá pra comprar pela Cult Beauty, que entrega no Brasil, neste link.

L’Occitane – Pillow Mist Relaxante Aromacologia

Também é um spray para fronhas e lençol e é formulado a partir de óleos essenciais de lavanda (amo), laranja, tangerina e gerânio, que têm propriedades relaxantes e antidepressivas (no caso dos cítricos). O frasco é grande e dura bastante, tem 100ml e dá pra comprar pelo site e nas lojas físicas da L’Occitane por R$ 135. A marca também tem um óleo pronto pra uso feito a partir dos mesmos ingredientes do pillow mist que deve ser aplicado no pulso para relaxamento, mas ele anda em falta.

Laneige – Water Sleeping Mask Lavender

A já famosa sleeping mask da Laneige agora tem uma versão com lavanda. Pra quem não conhece, é um hidratante que age na pele enquanto dormimos, quem quiser entender melhor sobre as sleeping masks veja mais detalhes neste outro post. Não necessariamente ela te ajuda no sono mas achei interessante que agora o produto tem fragrância relaxante. Está disponível no TesterKorea neste link.

Slip – Pure Silk Pillowcase + Sleep Mask

Aqui não é muito bem cosmético mas a fronha e a máscara de dormir de seda pura da Slip prometem diminuir o atrito da pele com o tecido durante o sono e, por conta disso, ajudam a prevenir rugas e diminuir o frizz nos cabelos. Um luxo, né? Também estão disponíveis no site da Cult Beauty, neste link, por um precinho bem salgado, mas é que a seda, por si só, já não é nada barata.

 

Mais algum insone por aqui?

Bjs, Van

Com que cosméticos sobreviver ao verão?

Embora as águas de março já estejam fechando o verão – e vamos combinar: que verão! – creio que ainda dá tempo de falar sobre alguns produtinhos que vão bem quando o tempo está bem quente.

Se você é como eu vai concordar que cremes dão uma preguiça nesta época em que a gente já sai suando do banho. Por isso eu acabo preferindo alguns produtos que tem a textura em gel, como o Neutrogena Hydro Boost e qualquer coisa com aloe vera (nossa querida e bem conhecida babosa), como o coreano It’s Skin Aloe Relaxing Cream. A linha inteira Aqua Réotier da L’Occitane também está perfeita pro verão.

Mas é uma luta para não desistir de vez da rotina de cuidados no calor. Para os dias que estou mais desanimada, apelo pros mists (às vezes fico só neles – não façam como eu!), os hidratantes líquidos. Já recomendei por aqui o coreano Seaweed 90 da Lioele, um que ando usando muuuuuito e é bem refrescante é a Beauty Elixir da Caudalie. Mas não tendo nenhum mist à mão, uma dica é colocar um pouco de tônico num frasco com spray e espirrar no rosto algumas vezes ao dia. Até uma água termal serve.

Outra dica é colocar estes itens na geladeira. Algumas marcas como a Natura e a The Body Shop tem alguns sorbets hidratantes próprios pra isso. Mas mesmo quando eles não são próprios pra isso eu ando gelando-os antes de usar. A Multilaser tem uma geladeirinha portátil pra carro que eu achei perfeita pra cosméticos! Roubei esta da foto do carro do marido.

Alguns dias aqui em Sampa os termômetros esbarraram nos 40 graus. Aí recorri às máscaras de aloe vera da coreana The Face Shop. Além da versão convencional Jeju Aloe, criaram uma versão Ice própria pro verão e que também deve ir à geladeira antes de usar.

E vocês, como se viraram?

Bjs, Van

Este post não é um publieditorial.

5 passos para diminuir a aparência dos poros

Oi, oi, pessoal! Algumas pessoas já me perguntaram se existe algum produto de tratamento para a pele ou algum truque de maquiagem que seja, de fato, efetivo na diminuição dos poros e este post, a princípio, é até triste porque a resposta é: não! Mas, calma, nem tudo está perdido. =)

Blog Valeu a Compra - Como diminuir a aparência dos poros

Probleminha chato que aflige principalmente quem tem pele oleosa, a aparência dilatada dos poros pode ser melhorada mas é fundamental que fique claro o seguinte: o tamanho dos poros é definido pela genética e não existe nada, absolutamente nada, que mude isso. Mas é possível adotar uma série de hábitos – e alguns truques – que diminuem a aparência do tamanho dos poros no rosto – e não os poros em si. Já ajuda, certo?

Como Japão e Coreia do Sul têm uma neura ENORME relacionada a poros aparentes (e, consequentemente, 1 milhão de produtos diferentes para lidar com isso) e como sou uma verdadeira fã e shopaholic dos cosméticos coreanos, são eles que vou usar como exemplo neste post. Mas, entendido o conceito, você pode substituir estes produtos por itens mais facilmente encontrados aqui no Brasil, caso queira. Vamos lá?

1. Mantenha a pele sempre muito limpa

São grandes as chances de sua rotina de limpeza não estar sendo suficiente para manter sua pele realmente limpa.

Se você utiliza uma espuma de limpeza própria para o rosto até duas vezes ao dia, saiba que existem impurezas – como o resíduo do protetor solar ou mesmo a poluição – que não saem com este tipo de produto. E, não! – não adianta passar a lavar o rosto mais vezes ao dia. Isto, aliás, piora o caso, já que remove a hidratação natural da pele.

Quando escrevi sobre a rotina coreana de cuidados com a pele, expliquei que coreanos e japoneses limpam a pele em duas etapas: utilizam, primeiro, um balm à base de óleo que dissolve o protetor solar (e a maquiagem, e poluição, e etc…) e sai facilmente com água morna. Pode ser utilizado, inclusive, em pele oleosa. A segunda etapa da limpeza utiliza uma espuma convencional à base de água que finaliza o processo tirando, inclusive, algum resíduo do balm anterior. Meus balms de limpeza favoritos: Clean It Zero da Banila Co. e o Naked Cleansing Oil Cream da VDL.

Blog Valeu a Compra - Como diminuir a aparência dos poros

Teoricamente, você pode utilizar qualquer óleo vegetal nesta etapa. Óleo de coco, azeite de oliva, óleo de amêndoas, todos eles vão dissolver até o protetor solar mais difícil de tirar. O problema vem depois: você vai sofrer para tirar o óleo do rosto. Os produtos específicos para isto, como os balms coreanos, se desfazem em contato com a água morna e saem quase que sozinhos e em sua totalidade só de entrar em contato com a água (eles são aplicados no rosto seco), mas este formato ainda é raro por aqui. Uma boa opção é utilizar um demaquilante em óleo. Já testei o Óleo Demaquilante Karité, da L’Occitane, e ele é perfeito!

Para mais detalhes sobre a limpeza dupla, veja este post.

2. Utilize acessórios que ajudem na limpeza profunda

Vamos à parte nojenta: os poros são buraquinhos onde é muito fácil entrar sujeirinhas e de onde é muito difícil tirá-las.

Há anos, os coreanos utilizam pinceis próprios para fazer a segunda etapa da limpeza, que utiliza uma espuma à base de água, em vez de espalhar e massagear a espuma com as próprias mãos. Estes pinceis são capazes de expulsar as impurezas dos poros até nos cantinhos mais difíceis, já que há pinceis menores próprios para os cantinhos do nariz, por exemplo. Sabe a famosa Clarisonic (e versões parecidas, como a da Mary Kay)? É praticamente o pincel coreano mas com um motorzinho, já que no ocidente as pessoas são mais preguiçosas.

Blog Valeu a Compra - Como diminuir a aparência dos poros

3. Fuja de produtos com álcool!

O tônico adstringente, muito comum no ocidente, é um produto com álcool cujo objetivo – diz o rótulo – é limpar e remover o excesso de oleosidade da pele. O álcool, no entanto, oferece uma falsa sensação de alívio perigosa: ele destrói a barreira natural protetora da pele causando ressecamento e levando à piora da inflamação, acne e oleosidade.

Existem alguns ingredientes específicos que são bastante eficientes para controlar a acne e a oleosidade, como o ácido salicílico, o peróxido de benzoíla, a vitamina A, a melaleuca, cada um com suas vantagens. Se você sente que seu caso de oleosidade está fora de controle, o melhor a fazer é procurar um dermatologista que vai avaliar sua pele e indicar o melhor ingrediente.

Adote produtos suaves à sua pele. E tenha em mente que um sabonete, por mais suave que seja, é alcalino devido a seu próprio processo de fabricação (e o PH do rosto é levemente ácido). Portanto, lavar o rosto, mesmo com um produto suave, tende a pele ao ressecamento. Existe uma forma de controlar isto? Sim, com os tônicos. Não os adstringentes, que mencionei antes, mas os tônicos de verdade, que são praticamente uma água transparente cujo PH ajuda a restaurar o equilíbrio da pele após a limpeza. Para saber mais sobre estes tônicos, veja este post. No Brasil, o Boticário tem um tônico assim em sua linha Active, a Anna Pegova tem o Tonique Doux e a L’Occitane tem o tônico Karité (da mesma linha do demaquilante em óleo que mencionei anteriormente). Todos os 3 sem álcool.

Blog Valeu a Compra - Rotina coreana de cuidados com a pele

4. Dê uma mãozinha à renovação celular

Esfoliar o rosto uma ou duas vezes na semana faz parte do processo de limpeza e ajuda a preparar melhor a pele para os produtos que são aplicados depois. Dê uma atenção especial à zona T: testa, nariz e queixo, onde a oleosidade costuma estar concentrada e a aparência dos poros, maior. Na Coreia, existe uma série de produtos específicos para esta região e os mais comuns são máscaras (em creme) ou fitinhas adesivas que devem ser aplicadas por um tempo (20 ou 30 minutos) e que removem células mortas, cravinhos, etc. Mas um bom esfoliante facial já resolve esta parte.

Blog Valeu a Compra - Como diminuir a aparência dos poros

TonyMoly Egg Pore Set: contém balm de limpeza que remove cravos, células mortas e outras impurezas; cooling pack que resfria a pele e contrai os poros; e primer que “alisa” a pele e equilibra a oleosidade.

Blog Valeu a Compra - Como diminuir a aparência dos poros

Para quem tem muitos cravinhos, uma boa opção são as fitinhas adesivas de uso unitário. Elas devem ser levemente umedecidas antes de aplicadas e após 15 ou 20 minutos, quando já estão secas, são removidas e levam consigo todas as impurezas da pele. Sim, é nojento. E, sim, o resultado na pele é muito bom! Muitas marcas têm suas versões destas fitinhas, basta procurar nos sites coreanos (veja no final deste post) por nose strip ou nose patch. Para quem já conhece e gosta da marca japonesa Bioré, ela também tem estes removedores.

Outro produto que acelera a renovação celular são as essências com ingredientes fermentados. É uma categoria de produto que ainda não existe no ocidente mas que é considerada como o grande responsável da radiante pele coreana. Para saber mais, veja este post.

5. Finalize com a maquiagem correta

Existe um truque que é utilizado no carnaval todo ano há décadas: as passistas cobrem bumbum e coxas com uma misturinha de óleo e glitter para disfarçar imperfeições e celulite. O que isso tem a ver com os poros e com a maquiagem do rosto? Simples: quanto mais fosca, mais matte, uma maquiagem for, mais visíveis ficam as imperfeições – incluindo a aparência dos poros.

É muito difícil tocar neste assunto porque as brasileiras AMAM base matte, batom fosco e pó compacto. Mas se você tem poros dilatados, este arsenal NÃO É seu amigo, é hora de repensar sua maquiagem, sério mesmo.

Se você mantiver a oleosidade sob controle (adotando os hábitos que explorei nos outros tópicos) e mantiver sua pele equilibrada e hidratada, pode conseguir uma bela maquiagem natural, para o dia a dia, com proteção solar e hidratante, utilizando apenas um blur (coreano, de preferência, como o Beauty Shot Face Blur da Etude House) e uma cushion (também coreana, que é hidratante e tem FPS sempre bem alto). E só. A textura de uma pele bem cuidada muda e passa a exigir menos maquiagem.

Blog Valeu a Compra - Produtos coreanos | BB cream, blur, cushion

Boa alternativa à cushion é o BB cream M Perfect Cover da Missha, que já tem no Brasil.

Se você não quiser comprar (e esperar chegar) os cosméticos coreanos, adote um primer que não seja muito sequinho (como o Flower Perfection da Bourjois ou – se estiver disposta a gastar um pouco mais – o Météorites Perles da Guerlain, que dá uma iluminada DI-VI-NA no rosto) e uma base iluminadora em vez da matte. E não finalize com pó compacto! Se estiver insegura com a oleosidade, experimente um pó solto, o mais fino que encontrar, apenas na zona T. Dentre os cosméticos coreanos, há o que chamam de pore powder ou pore pact, que são pós extremamente, absurdamente finos, alguns compactos com aquele acabamento que parece creme (que você passa o pincel mas não vê os pozinhos, como o Pro Bronze Fusion da Make Up For Ever que mostrei neste post) e estes pós não servem para finalizar uma maquiagem ou deixá-la fosca, mas são aplicados somente em áreas críticas no rosto para reabsorver oleosidade e suor durante o verão (que é bem intenso em Seul).

Quer saber onde comprar cosméticos coreanos? Clique aqui.

Beijinhos!
Van

Este post não é um publieditorial.

Os favoritos de 2015!

E para abrir o blog em 2016, nada melhor que um post com os favoritos absolutos de 2015!

Blog Valeu a Compra - Favoritos - Janeiro 2016

Meus escolhidos:

Para os olhos,  de todas as máscaras que tenho, a mais usada nos últimos tempos foi a They’re Real da Benefit. Bom, pra mim, Benefit é o tipo de compra que nunca dá errado. Esta máscara vem em muitos kits da marca e tem miniatura, também, na Sephora. Tenho poucos cílios, são curtos, fininhos e claros, e esta máscara alonga e dá um super volume. Ela só não curva muito, o que eu faço antes com o famoso-melhor-do-mundo curvex do Shu Uemura. Ele é meio difícil de achar por aqui (e se achar vai ser beeeeem caro), mas em sites de fora (alô, eBay) é fácil encontrar por uns 50 reais.

Para os lábios, hidratação nunca é demais. Nunca gostei muito dos tints por causa da textura sequinha (tenho um problema sério com pele seca por causa da psoríase). Mas quando a Benefit (olha ela aí de novo!) lançou os balms para fazer parzinho com seus tints, fui direto no lilás-orquídea maravilhoso da dupla Lollibalm e Lollitint (ela chegou a lançar os kits com as duplinhas de miniaturas lá fora, mas eles não vieram para cá, buá). A cor do tint dura muito tempo e o balm, por cima, desfaz a textura sequinha e super hidrata (e o tint tem a vantagem de ser usado, também, como blush). Se precisar hidratar mais, não tem erro com a Manteiga de Karité da L’Occitane.

Para a face, em tempos de strobing, os iluminadores que mais usei foram as duas versões do Secret Beam da coreana Etude House. Usei o douradinho durante o verão e o outro no resto do ano. Eles têm um brilho discreto super bonito e bem suave que dá pra ir compondo, aos poucos, com um pincel bem fofinho, como esse pincel de blush da mesma marca.

E foi em 2015 que comecei a seguir a rotina coreana de cuidados com a pele. Com poucas semanas, já notei uma super melhora na hidratação, textura e tom da pele e passei a usar bem menos maquiagem. Base, por exemplo, não uso mais. Fico só no M Perfect Cover BB Cream da coreana Missha (que chegou oficialmente no Brasil) e alterno com o Precious Mineral Moist Any Cushion da Etude House (que já mostrei neste post). Os 2 têm proteção solar: respectivamente FPS 42 e 50.

Foi, também, por causa da rotina coreana, que conheci o óleo em balm Naked Cream da coreana VDL. Usava, de início, apenas para remover maquiagem – e é o melhor removedor de maquiagem que já conheci! – e passei a utilizá-lo, diariamente, na limpeza dupla do rosto quando estudei mais sobre a rotina coreana.

Estes foram os meus favoritos em 2015. Quais são os seus?

Beijinhos,
Van

Este post não é um publieditorial.

Rotina coreana de cuidados com a pele: esfoliar

Atenção: este post faz parte de uma série que explica todas as etapas da rotina utilizada pelos coreanos para cuidar da pele e foi inspirado no livro The Little Book of Skin Care: Korean Beauty Secrets for Healthy, Glowing Skin de Charlotte Cho. Se você ainda não viu o meu texto que fala sobre o livro e que faz uma introdução sobre este tema, recomendo fortemente dar uma olhadinha nele antes de prosseguir aqui. Acesse o texto inicial neste link.


Estapa anterior: limpar | próxima etapa: tonificar

A terceira etapa desta rotina é a esfoliação, que é o meio pelo qual se removem as células mortas da superfície da pele contribuindo, assim, para o processo de renovação celular. A esfoliação também ajuda a reduzir a aparência dos poros (só a aparência, já que o tamanho dos poros é determinado geneticamente) e prevenir cravos e espinhas.

Assim como a limpeza, acredito que a esfoliação não seja um mistério para muita gente, mas alguns pontos importantes merecem ser discutidos. Bora lá!

O primeiro deles é que não existe um número mágico que diz quantas vezes você deve esfoliar seu rosto por semana. Como mencionei na etapa da limpeza, você precisa observar sua pele e é ela quem dará esta resposta. Comece a sua rotina e preste atenção. Quer dicas? Se seu rosto estiver com um aspecto ressecado e sem luminosidade (aquele brilho saudável de pele hidratada e não de aspecto oleoso), você está esfoliando pouco. Por outro lado, se sua pele estiver vermelhinha e descamando, ela está machucada: você está esfoliando demais. E fique de olho porque esta necessidade pode, sempre, variar. Durante o inverno, por exemplo, é comum precisar aumentar as esfoliações já que a pele resseca mais.

Outro ponto é que existem 2 tipos de esfoliação: a química e a mecânica. A mecânica, que deve ser a mais conhecida, é aquela onde usamos algum meio físico para fazer a esfoliação, como os grãozinhos presentes nos cremes para este propósito, ou mesmo uma bucha vegetal. Estes grãozinhos podem ser cristais de açúcar ou sal marinho, por exemplo. Algumas marcas ainda utilizam partículas de plástico (microesferas de polietileno é o termo correto) para garantir a textura “arenosa” em suas loções e estas partículas estão poluindo rios e mares já que passam direto pelos filtros usados no tratamento de água. Nos EUA, o estado de Nova Iorque, dentre alguns outros, baniu o uso dessas microesferas pela indústria cosmética mas, apesar do alerta dos ambientalistas, muitas marcas seguem usando (em outros lugares) e muitos países seguem permitindo este uso. Na dúvida, pesquise, veja os ingredientes (as esferas aparecem, normalmente, como polyethylene), e prefira uma opção mais amiga do meio ambiente.

A esfoliação química ocorre quando um ingrediente, normalmente um ácido, é responsável por “quebrar” a ligação entre as células mortas e a superfície da pele e, assim, removê-las. Este procedimento é chamado, também, de peeling.

Alguns produtos juntam a esfoliação química e a mecânica. Eles são chamados de gomage (ou gomagem) e apresentam uma concentração baixa de um ácido esfoliante além de produzirem, depois da aplicação, uma película que, ao ser esfregada, acaba se transformando em uns “pedacinhos” de produto que fazem esfoliação mecânica.

Como fazer?

A lista de esfoliantes disponíveis no mercado é E-NOR-ME então a melhor forma de aplicar o produto é seguindo as instruções no rótulo, sorry =D

Para alguns (os mecânicos), só é preciso aplicar no rosto úmido, esfregar um pouquinho e enxaguar. Já outros, normalmente os que acrescentam à esfoliação mecânica um ácido de esfoliação química, é preciso aplicar e esperar um tempo para remover (e precisa remover todo o produto, sem deixar vestígio, caso contrário, os ácidos continuam agindo). As gomages, por sua vez, precisam ser aplicadas no rosto seco.

Por toda essa diferença, apenas siga as instruções do fabricante. ;)

Produtos recomendados pela autora no livro

  • Skinfood Black Sugar Mask Wash Off;
  • Neogen Bio-Peel Gauze Peeling Wine;
  • AmorePacific Treatment Enzyme Peel;
  • Goodal Phytowash Yerba Mate Bubble Peeling.

Produto que utilizo

Blog Valeu a Compra - Rotina coreana de cuidados com a pele

Eu gosto muito (mas tenho de parar de gostar!) dos esfoliantes da Mary Kay. Tinha aqui para o rosto, para o corpo, para as mãos… Mas a Mary Kay é uma das marcas que utiliza as esferas de plástico em seus produtos (exceto nos estados dos EUA onde a lei baniu), e eu decidi abrir mão deles enquanto a fórmula não mudar por aqui.

No rosto, estou usando uma gomage da marca Rosette que comprei no Japão durante minhas férias no ano passado. Ela mistura a esfoliação química feita com alfahidroxiácido (o famoso AHA) extraído de maçã com a esfoliação mecânica feita com “pedacinhos” que resultam do próprio produto depois que ele seca na pele. Comprei numa farmácia e paguei 3 dólares. Como este frasco está acabando, encomendei o Gommage Visage Booster d’Éclat da Bourjois para continuar a rotina (R$ 34 na Sephora).

No corpo, uma vez por semana, uso os cristais esfoliantes Vitória-Régia Flor do Dia da L’Occitane Au Brésil. São cristais de açúcar embebidos em óleo vegetal e eles deixam a pele simplesmente perfeita! Super recomendo.

Nos lábios, que ressecam muito, uso quase todos os dias o Kissing Sugar Lip Scrub, da coreana Shara Shara. Também são cristais de açúcar misturados a um balm super hidratante. Depois de esfregar o produto nos lábios, os cristais acabam se dissolvendo e o balm permanece.

Quer saber onde comprar cosméticos coreanos? Confira este post.

Beijinhos,
Van

Este post não é um publieditorial.

Rotina coreana de cuidados com a pele: limpar

Atenção: este post faz parte de uma série que explica todas as etapas da rotina utilizada pelos coreanos para cuidar da pele e foi inspirado no livro The Little Book of Skin Care: Korean Beauty Secrets for Healthy, Glowing Skin de Charlotte Cho. Se você ainda não viu o meu texto que fala sobre o livro e que faz uma introdução sobre este tema, recomendo fortemente dar uma olhadinha nele antes de prosseguir aqui. Acesse o texto inicial neste link.


Próxima etapa: esfoliar

Imagino que não seja uma surpresa dizer que a etapa inicial da rotina coreana de cuidados com a pele seja a limpeza. A surpresa talvez esteja em como esta limpeza é feita. Não é tão simples como só lavar o rosto durante o banho.

Não é verdade que esta rotina é uma sequência religiosa de x passos com produtos muito bem definidos. Também não é verdade que só é possível segui-la usando cosméticos coreanos. Existem, claro, alguns produtos que são fundamentais para a coisa toda funcionar (e algumas categorias de produtos só existem nas marcas asiáticas). Mas nem todas as etapas são obrigatórias e nem todos os passos precisam ser feitos todos os dias. E uma vez que você chega no roteiro que melhor se adapta à sua pele, nem todas as etapas e produtos precisam ser utilizados pela manhã e à noite.

A verdade absoluta é que, antes de mais nada, você precisa aprender com a sua pele. É preciso analisá-la, dia a dia, pra entender como ela está reagindo, e ir aprendendo a dosar produtos e ingredientes (por isso a leitura do livro é fortemente indicada). Se um tônico faz sua pele “queimar” (ah, os “tônicos adstringentes”, repletos de álcool, que o ocidente direciona a quem tem pele oleosa e acne… quem nunca usou?), ele não está te fazendo bem, acredite. Se a espuma de limpeza parece “repuxar” seu rosto quando você está se enxugando, saiba que isso não é um “efeito tensor” que está devolvendo firmeza à sua pele, isso é PH alcalino demais que está ressecando seu rosto.

Os produtos coreanos são, em sua maioria, muito suaves. E cada passo (com seu produto) tem uma função bastante específica. É justamente esta sobreposição, numa ordem correta, que faz com que a rotina funcione. E bastante disciplina, lógico. Como falei no post anterior, não existe milagre. E a limpeza é tão importante para que os demais produtos funcionem, e levada tão a sério, que coreanos limpam o rosto duas vezes em sequência. Sim, você leu certo: é a double cleansing, adotada também por japoneses, que mesmo utilizando produtos suaves promete uma limpeza profunda. Vamos lá?

1º. Pré-limpeza (oil-based): remoção de maquiagem e a limpeza com óleo


Os produtos utilizados diariamente como o protetor solar, os BB creams, maquiagens à prova d’água, e mesmo o suor, a poluição, vão se acumulando na pele e não são facilmente removidos apenas com uma espuma de limpeza à base de água. É aqui que entra o óleo.

Para quem não conhece os produtos de limpeza à base de óleo pode soar estranho ter de aplicar óleo no rosto, mas a verdade é que somente o óleo é capaz de remover com eficiência, sem agredir a pele, certas impurezas. Uma espuma de limpeza sem óleo, à base de água, não consegue eliminar totalmente resíduos oleosos da pele.

Embora algumas marcas ocidentais (como Guerlain, L’Occitane e MAC) estejam lançando seus óleos de limpeza, e embora você possa fazer esta limpeza utilizando qualquer óleo vegetal, só vi nas marcas coreanas um produto que é um balm, um óleo na textura e consistência de creme. Comprei o Naked da VDL (numa edição especial em parceria com o Kakao Talk, aplicativo de bate-papo muito famoso e usado na Ásia) pensando que era apenas para remover a maquiagem. Usei, pela primeira vez, numa noite que voltei de uma festa de casamento e estava com uma maquiagem bastante carregada, especialmente nos olhos. E achei sensacional como esse óleo-creme sem perfume dissolveu minha maquiagem com facilidade absurda, sem arder pele ou olhos, e sem esfrega-esfrega. Depois que li o livro, incorporei este produto na minha rotina diária (mesmo quando não uso maquiagem).

Como fazer?

Se você estiver utilizando um óleo de uma marca ocidental, siga as instruções no frasco. Mas para esses balms – mágicos! – coreanos, proceda assim: ainda com a pele seca, aplique uma pequena quantidade do produto em cada bochecha, na testa, nariz e queixo. Com as mãos secas, faça movimentos circulares suaves no rosto. O produto, com o calor das mãos, começa a derreter e vira, agora sim, um óleo mais fluido. Massageie mais um pouco. Molhe as palmas das mãos e massageie mais. Em contato com a água, o óleo se transforma num creme leitoso bastante fluido e fica bem fácil de enxaguar. Eu disse que você pode usar um óleo vegetal qualquer nesta etapa, mas ao optar por um produto específico para isso você terá este benefício, de conseguir tirar o excesso com muita facilidade.

Produtos recomendados pela autora no livro

  • Banilla Co. Clean It Zero Classic;
  • 3 Concept Eyes Lip & Eye Remover;
  • Tony Moly Floria Brightning Cleansing Oil;
  • Skinfood Brown Rice Oil Cleansing Tissue.

Produto que utilizo

VDL Naked Cleansing Oil Cream.

Quem não quiser comprar produto coreano e ter de esperar pacientemente pela sua entrega, uma boa opção, que vende no Brasil, é o Óleo Demaquilante Karité da L’Occitane.

Blog Valeu a Compra - Rotina coreana de cuidados com a pele

2º Limpeza (water-based): sabonete ou espuma de limpeza


Agora é hora de lavar seu rosto novamente =D

Seguir uma rotina de limpeza que utiliza um produto oil-based e um produto water-based em sequência é a melhor forma de eliminar com eficiência o máximo de impurezas, incluindo aquelas que causam irritação e deixam a pele vermelhinha.

Provavelmente este passo não é segredo para ninguém. Você pode seguir utilizando seu produto de costume, desde que ele não lhe cause nenhum desconforto. Se alguma sensação “estranha” aparecer, por menor que seja, como sentir a pele mais seca que de costume, é hora de testar uma nova opção.

Como fazer?

Com o rosto já molhado (depois de enxaguar ligeiramente a limpeza oil-based com água morna), faça uma espuma na palma das mãos com o seu produto de limpeza, seja ele sabonete em barra ou líquido, espuminha ou creme. Quando a espuma estiver formada, aplique-a sobre o rosto com movimentos circulares e suaves. Alguns produtos não fazem espuma, neste caso aplique-o, também, primeiro nas palmas das mãos e esfregue uma na outra antes de levar ao rosto. Massageie durante 1 ou 2 minutos e enxague. Quando for secar o rosto, nada de esfregar a toalha na cara haha! Simplesmente pressione a toalha contra a face, umas 2 ou 3 vezes devem bastar. Simples.

Produtos recomendados pela autora

  • Neogen Dermalogy Real Fresh Green Tea Foam;
  • Su:m37 Miracle Rose Cleansing Stick;
  • Benton Honest Cleansing Foam.

Produtos que utilizo

Pela manhã eu não faço a limpeza dupla, apenas a water-based. Neste caso, uso a espuminha Mini Bebe da It’s Skin com extrato de romã que é bem suave e tem princípios calmantes. À noite, quando faço a double cleansing, uso a espuminha Happy da Etude House que mostrei aqui.

Quem não quiser comprar uma espuminha coreana, sugiro a Espuma de Limpeza de Chá Verde e Verbena, da Anna Pegova. É maravilhosa, refrescante, calmante. Minha pele é super sensível e se irrita facilmente com cosméticos, e esta espuma super funcionou pra mim. O único problema é o preço, que é meio salgadinho. Um motivo a mais para pensar nos cosméticos coreanos. Confira uma seleção de espuminhas de limpeza de chá verde neste link.

Blog Valeu a Compra - Rotina coreana de cuidados com a pele

E aqui termino o primeiro post desta série!

Quer saber onde comprar cosméticos coreanos? Confira este post.

Beijinhos,
Van

Este post não é um publieditorial.

Unhas para viagem – 4 dicas para o esmalte durar mais enquanto você aproveita as férias

Vai sair de férias, quer que a manicure dure o máximo possível, não quer perder tempo tendo de refazê-la enquanto aproveita uma viagem e está com o espaço contado na mala? Apostar em produtos práticos e miniaturas e adotar alguns cuidados antes de partir podem ajudar a manicure a durar mais.

1. Escolha o esmalte certo

Este é o momento em que você deve usar o melhor vidrinho de sua coleção. A cor mais durável da melhor marca que você tiver. Cintilantes, metálicos e holográficos duram mais. Faça as unhas com o mínimo de antecedência que você conseguir (mas não tão em cima da hora pra ficar estressada e borrar tudo – 1 dia antes é um bom prazo), aplique duas ou três camadas fininhas sobre uma base e finalize com um bom extra brilho.

Blog Valeu a Compra - Unhas para viagem

Vidrinhos que me surpreenderam pela duração: Lancôme 012, Zoya Storm, China Glaze Frosty, Avon Nailwear Pro+ Laranja Tropical e Essie Penny Talk

Blog Valeu a Compra - Unhas para viagem

Não tem erro se apostar no kit Infinite Shine da OPI, com base e extra brilho

2. Hidrate!

Separe alguns hidratantes para mãos, unhas & cutículas e bote na mala. Deixe sempre um creminho também na bagagem de mão. E use muito, claro! Principalmente após lavar as mãos, água e sabonete demais são inimigos de suas unhas. A L’Occitane tem uma variedade de hidratantes tamanho viagem para as mãos em tubinhos de 30ml, perfeitos para levar na bolsa. A cera para unhas & cutículas da Granado é outra super aposta, além de caber em qualquer cantinho.

Blog Valeu a Compra - Unhas para viagem

Hidratantes em tamanho viagem da L’Occitane e Nuxe, óleo para cutículas da Etude House e as fofuras da THEFACESHOP que já mostrei aqui, Lovely Mix Mini Pet

3. Cuide da esmaltação – até onde der

Leve um bom extra brilho e a cada dois dias, mais ou menos, reaplique sobre o esmalte. Esta prática e bastante hidratação podem fazer seu esmalte durar até 7 ou 8 dias. Mas não existe milagre e depois desse tempo a esmaltação começa a ficar feia e desgastada, principalmente se suas unhas crescem rápido. Por isso, leve na bagagem um removedor de esmaltes – aqueles em formato de pads são super práticos e não tomam espaço. Leve também uma base para aplicar depois de remover o esmalte. Produtos multifuncionais são os melhores neste momento, como a base 2 em 1 (base e extra brilho) da Granado.

Blog Valeu a Compra - Unhas para viagem

Os amigos de sua viagem: pads removedores de esmalte (estes meus vieram do AliExpress); a dupla da Granado: 2 em 1 (base e extra brilho) e cera hidratante de cutículas; kit Color Lock de miniaturas da Zoya com removedor 15ml, base, extra brilho e óleo secante

4. Pense num plano B

Se você estiver com paciência para refazer a esmaltação enquanto aproveita suas férias longe de casa, leve na bagagem um vidrinho de esmalte que seja fácil de aplicar e que dure bastante. Muitas marcas – como Essie ou Zoya – oferecem suas cores em miniaturas, o que é uma ótima escolha para estas horas. ;)

É isso!
Van

Este post não é um publieditorial.